25 de novembro de 2011

Eclipse

Versos simples,
palavras banais,
é só um pouco tarde,
uma pena não ter sido cedo.
Talvez tivesse havido mais tempo.

Nesse eclipse,
talvez eu paire sobre a claridade,
como saber, se você se foi.

Talvez eu tente,
talvez desista,
mas quem se importa.

Neste eclipse eu ainda permaneço em total escuridão.


2 comentários:

  1. Poetaaaaaaaaa!! *-------------* Lindo demais!! ♥

    ResponderExcluir
  2. e eu vou permanecendo nessa eterna escuridão.. até que você volte.

    ResponderExcluir